APRENDA SOBRE AS UTILIDADES DO CURSO DE DESIGN DE MODA E O QUE UM DESIGNER FAZ

Um designer de moda pode entrar no mercado de trabalho de várias formas, Mas, para isso, é preciso se capacitar. Se você gosta de moda e estilo, mas não tem tempo de fazer uma faculdade presencial, o curso de Design de Moda a distância pode ser uma boa opção. Será este o curso para você? Venha descobrir!

Neste artigo, falarei sobre o que faz um designer de moda, as principais características do profissional, suas rotinas de trabalho, o que se aprende no curso de Design de Moda e as características do ensino a distância.

O profissional que trabalha com Design de Moda pode ter uma série de funções e atribuições em várias áreas deste vasto mercado.

O designer de moda pode desenvolver, criar, desenhar e administrar vários projetos e produtos dentro do mercado da moda, desde a parte têxtil até todas as cadeias deste setor.

Pode trabalhar ainda nos segmentos de empreendedorismo em moda, promoção e realização de eventos e com modelagem.

O mercado da moda é bastante vasto, e todas as suas áreas são bastante sofisticadas, exigindo profissionais competentes, atualizados, apaixonados pela profissão e com grande visão e sensibilidade. Confira na sequência algumas das áreas nas quais os designers de moda podem desempenhar suas funções.

 

Estilista

Uma das principais funções pelas quais os designers de moda costumam optar após sua formação é a de estilista.

O estilista é o profissional criativo que desenha, idealiza e projeta as coleções de calçados, roupas e acessórios, de acordo com as tendências da moda para aquela estação.

Ele precisa ter conhecimentos em desenho, tecidos, corte, costura, estampas, fotografia e produção, além de estar atento aos acontecimentos do mundo da moda, por meio dos mais diversos eventos.

 

Produtor de moda

Este ramo do mercado da moda também é bastante seguido pelos profissionais que se formam. O produtor fica mais nos bastidores da campanha de divulgação e produção das coleções.

É ele o incumbido de organizar e realizar os eventos de moda, escolhendo modelos, maquiagens, som, iluminação, local, looks e tudo o que diz respeito à realização dos eventos da campanha.

Embora seja um profissional mais preocupado com a logística do que com o conteúdo em si, ele precisa das noções de moda para fazer as escolhas corretas e garantir que os eventos tenham sucesso.

 

Modelista

O modelista é o profissional que faz a ponte entre a criatividade do estilista e a prática das linhas de produção.

É ele que produz os moldes de roupas, calçados e acessórios para serem encaminhados às fábricas, com base nos desenhos e projetos dos estilistas.

Seu trabalho é de fundamental importância e precisa ser realizado com precisão e comprometimento. Afinal, erros nesta etapa podem representar grandes prejuízos à marca.

 

Caçadores de tendência

O mercado da moda é um setor em constante mudança e renovação por natureza. As pessoas mudam suas formas de se vestir, pois isso implica em suas expressões pessoais.

Desta forma, as coleções de moda são planejadas através de tendências a nível regional, nacional e até mesmo internacional, vindas de outras marcas ou até mesmo dos próprios consumidores.

Uma das funções que o designer de moda pode assumir é se tornar um “cool hunting”. Ou seja, um caçador de tendências, que ficará atento ao que as pessoas estão usando para orientar na criação das novas roupas, acessórios e calçados produzidos por sua marca.

 

Personal Stylist

Este profissional é responsável por cuidar do visual de pessoas que o contratem, sejam elas famosas ou não.

É uma espécie de consultor que escolhe e avalia o melhor tipo de roupa para a forma física e para a ocasião, bem como quais as melhores combinações de acessórios e calçados, além de auxiliar na escolha de quais roupas comprar.

Antes um profissional raro, contratado apenas por celebridades, os personal stylists estão cada vez mais em contato com pessoas comuns, auxiliando em sua autoestima.

 

Outras atribuições

Os designers de moda podem ainda seguir outros rumos na carreira. Podem, por exemplo, lidar com a mídia, se tornando blogueiros, colunistas ou fotógrafos de moda.

Podem também trabalhar dentro da dramaturgia, como figurinistas para canais de TV ou grupos de teatro. Podem ser designers de estampas para roupas ou, ainda, costureiros.

Há espaço até mesmo dentro da parte fabril da indústria da moda, sendo produtor de tecidos.

Todas estas funções exigem dedicação, paixão e, principalmente, estudos de qualidade em uma instituição reconhecida nacionalmente.

 

Curso de Design de Moda a distância

Os apaixonados por moda que sonham em seguir esta carreira podem fazer um curso de Design de Moda a distância. Os cursos EAD são mais baratos e feitos com maior praticidade.

Antes de escolher uma instituição para fazer seu curso, procure saber se ele conta com a participação de bons professores. Eles precisam ser experientes e bem-conceituados no mercado de trabalho.

Além disso, o material deve ser específico para estudos à distância. Deve ser possível compreender a matéria assistindo aos vídeos e lendo as apostilas

Fonte: UniCresumar

Agora que você sabe o que é exigido de um designer de moda, o que ele estuda na faculdade, as áreas de atuação, o mercado de trabalho e ainda desconstruiu algumas verdades absolutas da sua cabeça, tenho uma oportunidade para você! Um curso que ensina técnicas de estilo atraente e elegante! É fundamental para aumentar as suas possibilidades de sucesso e abrir portas em todas as áreas da sua vida.  Acesse esse link e aproveite! http://bit.ly/CursoDeModaEstilo

 

 

One comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *